Voltar ao Topo
Prevenção

Exame de Toque Retal

O exame de toque retal é o exame físico do reto, a porção final do intestino, logo acima do ânus. O médico utiliza uma luva lubrificada para inserir um dedo através do ânus e conferir se há alguma anormalidade nessa região. O procedimento demora de um a dois minutos e, embora possa causar um leve desconforto, não causa dor alguma.

Os médicos utilizam o exame de toque retal para avaliar certos sintomas em homens e mulheres. Normalmente, são sintomas que afetam o sistema digestivo, genitais e trato urinário. Por exemplo, um médico pode fazer este exame para analisar a próstata em homens que reclamam de problemas para urinar; ou para examinar os órgãos pélvicos em uma mulher com dor abdominal intensa. Embora o exame possa detectar algumas doenças ginecológicas, um exame pélvico ainda poderá ser necessário.

Durante o exame de toque retal, o médico também pode obter uma pequena amostra de fezes para analisar se há sangramento no estômago ou intestino. Contudo, os resultados obtidos a partir desse tipo de coleta não são tão apurados quanto os resultados de amostras coletadas ao defecar.

exame de toque retal

No exame de toque retal, o médico insere um dedo com luva e lubrificação pelo ânus para examinar possíveis alterações da próstata e estruturas adjacentes. Imagem: Grace Prostate Cancer Centre


O exame de toque retal também é usado no diagnóstico de certos tipos de câncer. Em homens e mulheres, o exame pode detectar tumores ou pólipos que se desenvolvem na porção final do intestino (colo e reto). No entanto, o médico provavelmente solicitará outros exames para o câncer de colo, como colonoscopia, sigmoidoscopia ou exame de sangue oculto nas fezes.

Em homens, o exame de toque retal geralmente é usado em conjunto com o teste de PSA para detectar o câncer de próstata. Como existem controvérsias sobre os exames para esse tipo de câncer, você deve conversar com o seu médico.

Como é feito o exame de toque retal

Você precisará tirar ou abaixar sua roupa da cintura para baixo e, depois, se deitar de lado com os joelhos flexionados. Os homens também podem fazer esse exame na posição de pé inclinados sobre a mesa. O exame pélvico feminino pode ser feito em uma mesa ginecológica.

O seu médico usará uma luva para inserir um dedo previamente lubrificado no seu reto. Ele poderá pedir que você contraia a musculatura da região para que ele sinta melhor a parede do reto e verifique se há inchaços ou sensibilidades anormais. Em homens, o médico sentirá a próstata para verificar se existem nódulos suspeitos, ou se há alterações de tamanho e aspecto. Em mulheres, o médico poderá examinar o reto e a vagina ao mesmo tempo, ou separadamente.

O médico deverá informar os resultados logo após o exame. Se houver alguma anormalidade, o médico poderá marcar um exame complementar.

Não existe uma preparação específica para o exame de toque retal.

Ligue para o seu médico se você sentir qualquer dor no reto ou abdômen após o exame, ou se você notar algum sangramento retal.

Fonte: Harvard Health Decision Guides – Todos os direitos reservados.

Compartilhe

Deixe o seu comentário