Voltar ao Topo
Doenças

Acrocórdon (Pólipo Fibroepitelial)

Acrocórdon, também chamado de pólipo fibroepitelial, é um pequeno tumor de pele pedunculado. O acrocórdon não é, nem pode se transformar em câncer de pele.

Geralmente, os acrocórdons surgem à medida que a pessoa envelhece, e são muito comuns em pessoas acima dos 60 anos. Esse tipo de lesão na pele pode ter um fator genético e é mais comum entre as mulheres. Também não é raro que os acrocórdons se desenvolvam após a gravidez.

As principais localizações dos acrocórdons são as dobras de pele no pescoço, axilas, pálpebras, seios e virilha, causando um efeito estético indesejável. O atrito entre os acrocórdons e roupas ou jóias pode causar irritação.

pólipo fibroepitelial

Foto de um acrocórdone (pólipo fibroepitelial). Foto: Jane Chitty.


Sintomas de Acrocórdon

No início, o acrocórdon se parece com um “carocinho” mole na pele. Com o tempo, ele vai crescendo e adquirindo a forma de uma bolinha presa à pele de coloração normal ou um pouco mais escura. Ao tocar no acrocórdon, ele se mexe facilmente para frente e para trás, sem dor, porém pode ficar irritado com o atrito.

Caso o acrocórdon fique retorcido, um coágulo sanguíneo pode se formar em seu interior, deixando-o dolorido.

Diagnóstico & Exames

Só de olhar, os dermatologistas já reconhecem um acrocórdon. Caso você tenha um acrocórdon característico (mole, facilmente deslocável, de coloração igual ou levemente mais escura que a pele e, geralmente, de forma pedunculada), não será necessário fazer nenhum exame. No entanto, se você perceber que o tumor de pele não se mexe facilmente devido à sua consistência mais firme, tem uma coloração diferente da pele ao redor e estiver machucado ou sangrando, peça para o seu dermatologista examinar. Se não estiver claro que o seu tumor de pele é um acrocórdon, o dermatologista fará uma biópsia, ou seja, vai retirar uma pequena parte da pele para ser examinada em laboratório.

Duração do Acrocórdon

A menos que seja removido, o acrocórdon dura a vida toda. Muitas pessoas desenvolvem múltiplos acrocórdons.

Como Evitar Acrocórdon

Não há como evitar os acrocórdons.

Tratamento do Acrocórdon

Os dermatologistas podem remover o acrocórdon por meio de um tipo de tesoura, bisturi, eletrocauterização, ou ainda, congelação com nitrogênio líquido (criocirurgia). Para conter o sangramento, o médico pode aplicar um produto à base de cloreto de alumínio ou fazer a eletrocauterização.

Quando Procurar Atendimento Médico

Ligue para seu médico se você perceber que está com uma lesão dolorida ou de coloração diferente na sua pele.

Acrocórdon Tem Cura?

Os resultados do procedimento de remoção são excelentes. Os acrocórdons não são tumores malignos, nem cancerígenos. De fato, eles podem ser facilmente removidos pelo médico dermatologista.

Fonte: Harvard Health Decision Guides – Todos os direitos reservados

Compartilhe

Deixe o seu comentário